quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Vença o julgamento, vivendo amor.

Oiiiii gente, graça e paz! Hoje é dia de reflexão para aprendermos mais do Senhor. Antes de começar quero dizer a vocês que busquem ao Senhor, é um tempo de busca de se achegar em Deus o tempo todo para permanecermos firmes na Rocha. E a reflexão de hoje é do App da Bíblia feito pela You Version, eu recomendo muito esse aplicatico tem muitos planos bíblicos e é muito bom vocês vão amar de verdade .



O mandamento de Jesus, repetido em quase todo o Novo Testamento, é a base de todos os outros mandamentos recíprocos da Bíblia. O amor é a marca de Seus discípulos. Jesus nos disse que quem não ama não conhece a Deus, pois Ele é amor. Note que não é a doutrina, o conhecimento, a teologia ou a forma de louvor que distinguem um verdadeiro cristão; é, simplesmente, o amor. São palavras fundamentais. Como afirmam as Escrituras: “Se alguém afirmar: Eu amo a Deus, mas odiar seu irmão, é mentiroso, pois quem não ama seu irmão, a quem vê, não pode amar a Deus, a quem não vê. Ele nos deu este mandamento: Quem ama a Deus, ame também seu irmão.” (1 João 4.20). O amor, portanto, não é uma opção, pois quem crê em Jesus precisa exercê-lo. O amor tampouco é automático, mas fruto de uma decisão pessoal. Amar o próximo não significa negar seu pecado, concordar com tudo que o outro faz, estar ao seu lado o tempo todo ou se omitir diante de um caso de exortação ou disciplina. A proposta de Jesus é muito mais profunda. Poderíamos definir o amor como uma atitude interna e voluntária que se manifesta por meio de ações de boa vontade e que procura contribuir sempre para o bem da pessoa amada, sem interesses pessoais. Ao falar de amor, a palavra que Jesus usou foi “ágape”, um tipo de amor com uma qualidade diferente, até então desconhecido pelas pessoas. O Antigo Testamento já falava do amor entre irmãos, mas Jesus acrescentou que o amor deveria se estender aos gentios e estrangeiros. Este é um novo mandamento porque é para todos. Amar como Cristo amou é o novo mandamento! Não é simplesmente não fazer o mal, mas ativamente procurar oportunidades para promover o bem. Este é o alto padrão de Cristo para nós. Esse amor profundo, sacrificial e verdadeiro é um fruto do Espírito Santo em sua vida. Sempre que se revela, traz maturidade e crescimento espiritual. A melhor definição de amor é tempo, e o melhor tempo é agora, então decida amar hoje mesmo!

2 comentários:

  1. Amei o texto. Deus nos criou para o bem. Amemos uns aos outros. O mundo preciso de amor.

    ResponderExcluir